Fazendários da DAT-Norte participam de debates sobre Sped e Sefaz On-line

Os fazendários da Diretoria de Administração Tributária da Região Norte (DAT-Norte) participaram, na quinta (14) e na sexta (15), de debates técnicos sobre o Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) e o programa Sefaz On-line, realizados em Feira de Santana. Voltado para auditores fiscais e agentes de tributos que atuam nas áreas de fiscalização de estabelecimentos e de mercadorias, os eventos, iniciativas da Universidade Corporativa do Serviço Público – Unidade Fazenda (SGF/UCS) em parceria com a Diretoria de Planejamento da Fiscalização (SAT/DPF), reuniram cerca de 100 fazendários nos dois dias.

O primeiro dia de atividades teve o objetivo de esclarecer questões relativas aos módulos do SPED, apresentados pelos auditores fiscais da DPF que trabalham diretamente com cada tema abordado: Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), por César Furquim, Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e), por Luiz Gonzaga Almeida, Escrituração Contábil Digital (ECD), por Alexandre Alcântara, Escrituração Fiscal Digital (EFD), por Ivo Colantoni, Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) e Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e), por Paulo Medrado.

Já o segundo dia de programação abordou alguns dos principais projetos do Sefaz On-line, como a Coordenação de Operações Estaduais da Fiscalização de Mercadorias em Trânsito (COE), apresentado por Marco Valentino, o Centro de Monitoramento On-line (CMO), explanado por César Furquim, a Central de Monitoramento de Transportadoras (CMT), abordada por Luiz Alberto Lago, e o Sistema de Antecipação Tributária (Antecipa), por Jutaí Lopes. O gerente de fiscalização de Mercadorias em Trânsito, Eraldo Santana, fez um panorama do atual modelo de fiscalização deste segmento e apresentou o projeto Canal Verde. Os debates foram mediados pelo gerente de Automação Fiscal, Jadson Oliveira, e por Janmes Barbosa, da DAT-Norte.

Na abertura do evento, o diretor da DAT-Norte, Wagner Walter, ressaltou a importância da realização do debate para os fazendários e agradeceu a todos os envolvidos na organização do evento e aos servidores que se inscreveram. A primeira apresentação do encontro foi feita pelo superintendente de Administração Tributária, José Luiz Souza, que abordou a inovação tecnológica trazida pelo Sped e o impacto para o trabalho de fiscalização da Sefaz.

Nova realidade

“A nova realidade trazida pelo Sped possibilitou o desenvolvimento do programa Sefaz On-line, que está modernizando todos os processos da administração tributária no Estado da Bahia. O trabalho que vem sendo desenvolvido pelos fazendários está colocando o fisco estadual como um dos que mais vêm se aperfeiçoando, de forma organizada, para a utilização dos documentos fiscais eletrônicos”, afirmou José Luiz.

O auditor fiscal da Infaz Serrinha, Jackson Davi Silva, foi um dos participantes dos debates e destacou a importância do encontro para adquirir novos conhecimentos sobre as ferramentas utilizadas na fiscalização. “Estamos vivendo uma nova era da fiscalização, com novas tecnologias, então nós, auditores fiscais e agentes de tributos, precisamos tomar conhecimento das mudanças que existem nas áreas de tecnologia e de legislação para ajudar no desempenho das nossas atividades fiscalizadoras do dia a dia”, afirmou.

A servidora Aparecida Vale, agente de tributos da Infaz Feira de Santana, também considera importante que o fisco se mantenha atualizado acerca das inovações tecnológicas. “Precisamos sempre nos atualizar para não ficarmos para trás e acompanharmos as mudanças na área de TI, afinal, as empresas estão constantemente investindo em novas tecnologias”, declarou.

De acordo com a diretora da UCS, Nilma Oliveira, os encontros fazem parte da programação de capacitação de 2018 para a área tributária, e resultaram de um processo de escuta da universidade corporativa junto às áreas da Sefaz.  “Após a realização, no ano passado, de visitas às unidades para levantar as demandas de capacitação, o Sped e o Sefaz On-line foram alguns dos temas mais citados. Os eventos são, portanto, para atender a essa solicitação. Assim como os debates realizados na DAT-Metro, o encontro com os servidores da DAT-Norte foi um sucesso. Em breve os colegas da DAT-Sul também poderão participar de debates no mesmo formato”, assinalou.