A Universidade Corporativa do Serviço Público - Unidade Fazenda (UCS) capacitou um total de 3.643 pessoas em 2016. Entre cursos e eventos realizados nas modalidades presencial e de ensino a distância (EAD), a UCS promoveu 243 capacitações, totalizando uma carga horária de 4.651 horas.

De acordo com a nova diretora da UCS, Nilma Reis, que assumiu a função em dezembro do ano passado em substituição ao colega Ricardo Alonso Gonzalez, os números refletem o bom trabalho feito pela Universidade Corporativa na capacitação dos servidores. "Em 2017, vamos dar continuidade ao trabalho que a UCS vem desenvolvendo com a prestação de serviços de capacitação que atendem ao público interno e ao externo. Nove cursos estão previstos para serem lançados na modalidade EAD, além de capacitações de aperfeiçoamento das áreas fiscal, tributária, financeira, de contencioso, de controle interno e de tecnologia da informação", afirma.

Cursos presenciais

Durante o ano de 2016, a UCS promoveu 180 eventos de capacitação presencial, entre cursos, seminários e palestras, com uma carga horária de 3.250 horas e 2.802 concluintes. Nesta modalidade, destaca-se o Programa de Formação dos Coordenadores de Controle Interno (CCI), que em parceria com a Auditoria Geral do Estado (AGE) concluiu a formação das duas primeiras turmas de servidores que atuam nas coordenações de controle dos órgãos da administração estadual. Ao todo, foram 78 concluintes, e uma nova turma deve concluir a capacitação no final do primeiro semestre de 2017.

Ainda na categoria presencial, vale ressaltar a continuidade do curso sobre o Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças do Estado da Bahia (Fiplan), direcionado aos servidores que atuam na área financeira dos diversos órgãos do Estado. A capacitação contou com 43 turmas, 439 horas de capacitação e um total de 887 concluintes.

Outro curso destaque na categoria presencial foi o treinamento do Painel de Planejamento da Fiscalização (PPF). Voltado para auditores fiscais e agentes de tributos, o curso capacitou 205 servidores no novo módulo do sistema, o Antecipa, que tem a função de realizar os cálculos da antecipação parcial e total do ICMS, verificar todas as inconsistências e entregar a planilha pronta para a ação do fisco. A capacitação teve 17 turmas, com servidores das DATs Metro, Norte e Sul e carga horária total de 112 horas.

Em 2016, a capacitação do Sistema Integrado de Auditoria Fiscal (SIAF) foi ampliada. Ao todo, foram realizadas 20 turmas: 11 do Módulo I e nove do Módulo II, treinando um total de 212 auditores fiscais das DATs Norte, Sul, Metro e da DPF. Todas as turmas somaram uma carga horária de 360 horas.

A UCS também foi a responsável pela organização da 58ª Reunião do Grupo de Desenvolvimento do Servidor Fazendário (GDFAZ), que em 2016 foi realizada em Salvador, nos dias 25 e 26 de agosto. A reunião contou com a participação de 36 servidores da área de gestão de pessoas das Secretarias de Fazenda de 22 Estados.

EAD

Além dos cursos presenciais, a UCS oferece cursos de ensino a distância. Nesta modalidade, foram realizados 63 cursos, com carga horária de 1.401 horas e 841 concluintes. Em 2016, alguns cursos foram ofertados pela primeira vez e tiveram boa aceitação entre os servidores da Sefaz. É o caso dos cursos Noções de Direito Tributário e Noções de Direito Financeiro, que contabilizaram cinco turmas cada um, e Economia Brasileira, que teve seis turmas e deu início ao processo de formação em economia com mais dois novos títulos de capacitação: Microeconomia e Macroeconomia, também lançados em 2016.

Para 2017, está previsto o lançamento dos cursos Crédito Tributário (módulos 1 e 2), Crimes contra a Administração Pública e Ordem Tributária, Livros Fiscais e Escrituração Fiscal, Fiscalização de Estabelecimentos, Lançamento e Processo Administrativo Tributário, Ambientação de Estagiários, Introdução ao Modelo ADDIE de Cursos Online e Conscienciologia.

Fonte: Ascom Sefaz